Itália, 7 Dias Adicionar a Favoritos

Percurso Napolitano e Costa Amalfitana 6

Ao seu gosto de carro

Desde 690  €  442  € 
Itália: Percurso Napolitano e Costa Amalfitana, ao seu gosto de carro

Uma rota de cinema por Nápoles, as ruínas de Pompeia e Herculano, o Vesúvio e a soberba e glamorosa Costa Amalfitana

A "Percurso Napolitano e Costa Amalfitana" é uma das rotas de automóvel mais populares e bonitas da Europa. Uma viagem que fascina o viajante desde o primeiro quilómetro, graças ao seu importante passado histórico, à sua deliciosa gastronomia, às suas belas paisagens costeiras e mediterrânicas, com as suas possibilidades de infinitas de lazer... Sob a sombra do imponente Vesúvio, decorre esta emocionante viagem que parte de Nápoles, cidade movimentada, buliçosa e cheia de vida genuína, cruzando a baía de Nápoles até os magníficos sítios arqueológicos de Pompeia e Herculano. Após milénios, ainda vive no imaginário local a erupção trágica que congelou no tempo cidades romanas inteiras e seus habitantes no ano 79 d.C.. Embarque numa incrível viagem através da história e chegue à cratera do próprio Vesúvio! A Rota é completada com um percurso pela magnífica Costa Amalfitana, declarada Património da Humanidade pela Unesco e pelo Golfo de Sorrento. Transformada em exclusivo destino de verão desde os tempos romanos e frequentada por artistas e celebridades de todo o mundo, fascina por uma insólita beleza de paisagens verticais e encantadoras localidades de postal ilustrado pintadas em tons pastel e empoleiradas em penhascos impossíveis. Entre o mar e as montanhas, esta deliciosa Rota atravessa um dos troços costeiros mais soberbos e magníficos da Europa mediterrânica. A bela Costa Amalfitana, com cidades elegantes como Amalfi, Positano e Ravello, tornou-se o refúgio perfeito para os amantes do mar e de "dolce vita". As paisagens que levam até às ruínas gregas de Paestum são célebres e a cozinha é espetacular, fazendo da Rota o sonho dos mais dados aos prazeres gastronómicos. E para aqueles que querem continuar a explorar, encorajamos a fazer uma excursão de hidroplano (em italiano "aliscafi") até à incrível e exclusiva ilha de Capri. O lugar perfeito para se desligar do ruído do mundo e desfrutar de inesquecíveis momentos.

Serviços incluídos na viagem

  • Vôo de ida e volta.
  • Estadia em hotel seleccionado em Nápoles.
  • Regime seleccionado em Nápoles.
  • Estadia em hotel seleccionado em Sorrento Peninsula.
  • Regime seleccionado em Sorrento Peninsula.
  • Estadia em hotel seleccionado em Nápoles.
  • Regime seleccionado em Nápoles.
  • Aluguer de carro.
  • Seguro de Viagem.

Serviços NÃO incluídos

  • Entrada nos recintos arqueológicos.
Itinerário Completo

Dia 1: Portugal - Nápoles

Saída do voo da cidade de origem até Nápoles e recolha do carro de aluguer. Aqui começa a sua aventura em solo italiano! Hoje dedicamos o dia a explorar esta cidade intensa, a terceira maior de Itália, uma das mais antigas, artística e surpreendente que encontrará no país. Uma cidade milenar que atrai o viajante com a vitalidade das suas ruas, a sua paixão pela vida e uma grande e bela baía com vista para o imponente Vesúvio. Foi precisamente pela via marítima que chegaram os diferentes povos e impérios que desde a Antiguidade dominaram esta bela região. Descubra o seu magnífico centro histórico, reconhecido como Património da Humanidade pela UNESCO, os seus famosos tesouros arqueológicos, os elegantes castelos e palácios, as suas igrejas barrocas, os seus célebres museus... As suas ruas e praças genuínas dão à cidade uma atmosfera única. Fundada pelos gregos no século V a.C., esta cidade foi conquistada pelos romanos, normandos, bávaros, vice-reis espanhóis, Bourbons... Resultado: uma forma genuína de ver a vida, sedutora e caótica, uma mistura eclética de arquitetura e monumental, tradições únicas e delícias gastronómicas que o farão desfrutar da viagem com os cinco sentidos. Entre num dos templos gastronómicos do país, onde poderá saborear algumas das melhores pizzas, especialidades de peixe, massas e cafés de Itália. (Nota. Há passeios especializados pela Nápoles subterrânea. Sob as ruas da cidade, estende-se uma interessante rede de catacumbas, câmaras funerárias, cavernas gregas e magníficas ruínas. Entrada não incluída). Consultar horários). Alojamento em Nápoles.

Dia 2: Nápoles - Palácio Real de Caserta - Nápoles

Continuamos a descobrir Nápoles e a visitar lugares tão emblemáticos como o Museu Arqueológico Nacional, uma verdadeira lição de história, onde poderá ver valiosos vestígios históricos, muitos deles encontrados nos locais de Pompeia e Herculano. Passeiesem pressas pela zona monumental, o bairro de Santa Lucia, a central e concorrida Piazza del Plebiscito, as animadas Galleria Umberto I e Via Chiaia; admire a magnífica igreja de San Francesco di Paola, o Palazzo Reale, o Castel Nuovo, a Catedral, a Cartuja de San Martin, o Palácio e a Pinacoteca di Capodimonte... A meia hora de carro da cidade encontra-se o magnífico Palácio Real de Caserta, declarado Património da Humanidade pela Unesco e considerado um dos mais importantes monumentos do património artístico italiano. Projetado no século XVIII por ordem de Carlos III de Bourbon, o palácio dispõe de jardins deslumbrantes e valiosas obras de arte. E se, além de apreciar o belo panorama do golfo de Nápoles, quiser fazer uma excursão de hidroplano (em italiano, "aliscafi"), recomendamos-lhe aproximar-se da idílica ilha de Capri, um dos destinos de férias preferidos pelo jet set internacional. (Nota. Para chegar à ilha de Capri a partir de Nápoles, pode dirigir-se ao porto de Molo Beverello, localizado frente ao Castel Nuovo. Mais informações no Dia 6, já que outra possibilidade, a mais curta, é visitar Capri a partir do porto de Sorrento. Quer parta de Nápoles ou de Sorrento, lembre-se que tem de embarcar sem carro, porque a entrada de veículos na ilha é fortemente restringida. Ambos os portos dispõem de estacionamento pago nas imediações. Os horários e a frequência dos trajetos mudam em função da temporada. Consulte-os com antecedência). Alojamento em Nápoles.

Dia 3: Nápoles - Sítios Arqueológicos de Pompeia e Herculano - Vesúvio - Nápoles

Hoje recomendamos a realização de um sugestivo "passeio pela história". Começamos o dia na antiga cidade de Pompeia, um dos sítios arqueológicos mais visitados do mundo, que ficou sepultada após a violenta erupção do Vesúvio em 79 d.C. Localizada a cerca de 30 a 40 minutos de carro de Nápoles, a visita a Pompeia permitir-lhe-á conhecer a estrutura e os costumes de uma cidade do período clássico. (Nota. Pode sair de Nápoles pela A3, tomar a saída para Pompeia e seguir as indicações para Pompeya Scavi. Os parques de estacionamento estão claramente sinalizados. Recomendamos dedicar cerca de 3 horas à visita). Uma vez lá, a vista dirige-se para o imponente Vesúvio. Ainda hoje impressiona imaginar como um espesso manto de cinzas e "lapilli" (fragmentos de lava) enterraram a cidade próspera e os seus milhares de habitantes durante dezassete séculos. O tempo parece ter parado nesta milenar cidade romana, dando forma a um museu monumental perfeitamente preservado ao ar livre. Sem dúvida, uma das vistas mais impressionantes de toda a Rota será a que vai encontrar no Granai del Foro (celeiro do Foro), onde se encontram os moldes dos corpos, feitos no século XIX por vazamento de gesso para os buracos deixados pelos cadáveres desintegrados. Um lugar que convida ao recolhimento e à reflexão sobre a vida. (Nota. Possibilidade de alugar um guia áudio e de contratar visitas guiadas). De regresso a Nápoles, recomendamos visitar as ruínas da localidade piscatória de Herculano, que sofreu um destino semelhante ao de Pompeia após a erupção do Vesúvio. Perfeitamente preservadas, têm valiosos vestígios arqueológicos. (Nota. Este sítio é mais pequeno do que o de Pompeia, pelo que recomendamos destinar 1 hora e 30 minutos para a visita). Depois do almoço num típico estabelecimento da zona e de brindar com os famosos vinhos vesuvianos cultivados no fértil solo vulcânico, seguimos para a exploração do imponente Vesúvio. (Nota. O Parque Nacional do Vesúvio, declarado Reserva da Biosfera, é visitável. Aí poderá aceder ao vulcão de 1281 metros, o único ativo da Europa continental. (Nota. Possibilidade de contratar uma visita guiada. A partir do parque de estacionamento localizado perto do cume, começa um caminho de 860 metros até à cratera). (Nota. Na primavera e no verão é possível realizar este itinerário completo. Nos meses de inverno, quando os dias são mais curtos e o Parque Nacional do Vesúvio encerra às 15h00, é difícil incluir esta última visita no itinerário. Além disso, as condições climatéricas dificultam o acesso ao Vesúvio). Alojamento em Nápoles.

Dia 4: Nápoles - Costa Amalfitana (Atrani - Ravello / Villa Rufolo - Amalfi - Positano - Sorrento)

Saída para a famosa Costa Amalfitana e Golfo de Sorrento, um dos lugares mais bonitos do mundo, localizado nas margens do Mediterrâneo e declarado Património da Humanidade pela Unesco. Espera-nos uma fotogénica estrada panorâmica que corre paralela à costa e que esconde a cada curva do caminho paisagens verticais de insólita beleza, com falésias que mergulham no mar, cavernas misteriosas e galerias subterrâneas, belas baías e pitorescas aldeias de genuína arquitetura que parecem presas no tempo. Descubra ao seu ritmo e, graças a seu carro de aluguer, um dos litorais mais glamourosos do mundo! Frequentado por celebridades de todo o mundo, a sua fama remonta há séculos, quando foi escolhido pelos césares romanos como lugar de descanso. Prepare-se para descobrir locais únicos e aldeias de postal ilustrado, localizadas em verticais impossíveis, emolduradas entre o azul do céu e um mar intenso e abrigadas entre vinhedos, limoeiros, oliveiras e buganvílias. Esperam-no três dias em que desfrutará da paisagem e da gastronomia. Sinta a autêntica "dolce vita" italiana! Vamos lá? A nossa primeira paragem será Atrani, onde poderá saborear a famosa "scialatielli", um prato de massa típico desta cidade. O itinerário decorre até a refinada cidade de Ravello, com uma visita à Villa Rufolo, cuja beleza inspirou, no passado, Richard Wagner. Dos seus fabulosos e exuberantes jardins contemplam-se magníficas vistas para o mar. (Nota. Entrada não incluída). Atualmente, a cidade acolhe concertos interessantes). Se dispuser de tempo, pode ir até à Villa Cimbrone, a cerca de 600 metros da Piazza del Duomo. Transformada em hotel de luxo, o seu "Terrazzo dell'Infinito" também oferece vistas incríveis do Golfo de Salerno). Depois de um breve percurso, chegamos a Amalfi, uma das repúblicas marítimas mais antigas e poderosas. Pequena e fácil de percorrer, poderá percorrê-la a pé em meia hora. Não perca a bela Catedral de Santo André! A nossa próxima paragem é Positano. Conhecida como a "Pérola da Costa Amalfitana" e situada numa inclinação quase impossível, Positano desde há séculos fascina turistas, artistas e escritores com a sua atmosfera mágica, as suas ruas estreitas, as suas encantadoras lojas onde poderá encontrar desde cerâmica artesanal a peças de alta-costura... Tão bela quanto exclusiva, as suas ruas íngremes, ladeadas por casas em tons pastel, descem para tocar uma bela praia de seixos. Voltamos a pôr-nos em Rota com direção a Sorrento. (Nota. Se tiver tempo, entre Amalfi e Sorrento poderá visitar Praiano, uma antiga vila pesqueira transformada num agradável refúgio para veraneantes, e Conca dei Marini, onde se pode visitar a Gruta da Esmeralda. (Nota. Visita não incluída. Recomendamos verificar os horários). Aproveite a visita para saborear a deliciosa "sfogliatella", um delicioso bolo recheado com ricota. Terminamos esta intensa Rota pela incrível Costa Amalfitana em Sorrento. Alojamento em Sorrento.

Dia 5: Sorrento - Salerno - Paestum - Sorrento

Continuamos a desfrutar da aromática Sorrento, explorando o seu centro histórico, a sua bela baía, o seu bonito porto com vista para o Vesúvio, as suas enseadas tranquilas e grutas misteriosas, as suas encantadoras esplanadas com vista para o mar, as suas famosos geladarias, o Museu da Marchetaria... De Sorrento dirigimo-nos para o Golfo de Salerno, seguindo a abrupta costa e admirando as aldeias suspensas como equilibristas sobre as falésias verticais. A beleza das suas paisagens e as curvas, às vezes apertadas, aconselham uma condução tranquila. E chegamos a Salerno! Conhecida nos tempos medievais como a capital da medicina, esta cidade encantadora fascina o viajante com o seu centro histórico e a Catedral de San Mateo. A típica "torta ricotta e pere" surpreenderá os paladares mais exigentes! Voltamos à nossa Rota. Depois de atravessar um belo trajeto junto à costa e salpicado de limoeiros e palmeiras, chegamos a outra das joias da Rota: os antigos templos de Paestum. Declarada Património Mundial pela Unesco, tem alguns dos templos gregos mais bem preservados do mundo. Fundada no final do século VII a.C. pelos gregos da cidade de Sibaris, e originalmente conhecida como Poseidonia, foi uma das principais cidades do Mediterrâneo. O interessante Museo di Paestum convida os viajantes a mergulhar na história da região, da pré-história à Antiguidade. Além disso, os cinco quilómetros de muralhas que circundam o local arqueológico transformam Paestum num dos complexos amuralhados melhor preservados. (Nota. Entradas não incluídas. Recomenda-se consultar os horários de visitas). Alojamento em Sorrento.

Dia 6: Sorrento - Ilha de Capri (opcional) - Sorrento - Castellammare di Stabia - Nápoles

Dispomos de algumas horas para desfrutar de Sorrento e dos seus arredores. Sorrento foi, no passado, o destino preferido dos patrícios, o "Jardim do Rei" para os Bourbons e um enclave indispensável para os turistas que visitam a Costa Amalfitana desde há séculos. Das alturas, Sorrento olha orgulhosamente para o golfo de Nápoles, para o Vesúvio e a ilha de Capri. É obrigatório percorrer a zona de Piazza Tasso, no centro da cidade, onde as ruas estreitas estão sempre cheias de vida. O Corso Italia torna-se uma rua pedonal que atravessa todo o centro histórico da cidade. Outra fabulosa excursão é a dos claustros da Chiesa di San Francesco (Via San Francesco). Nos meses de verão, os seus claustros costumam acolher interessantes concertos. (Se no segundo dia da viagem não pôde visitar a exclusiva ilha de Capri, poderá fazê-lo hoje. (Nota. O trajeto demora cerca de 25 minutos) Capri conserva o encanto que a tornou famosa entre importantes personalidades do Império Romano. Um paraíso natural salpicado de villas requintadas, ruínas romanas, águas azuis... Não perca a Marina Grande, a cidade de Capri e a famosa Gruta Azul! (Nota. Excursão não incluída). Chega-se à Gruta com visita guiada e sempre que as condições do mar o permitam). De Anacapri é possível subir por teleférico até ao topo do monte Solaro, de onde se pode desfrutar de uma vista espetacular sobre a ilha. (Nota. Recomenda-se regressar a Sorrento ao início da tarde). De caminho para Nápoles, e se tiver tempo, pode fazer uma paragem em Castellammare di Stabia, um enclave moderno que já foi um local de veraneio entre os romanos ricos. Aí poderá visitar as villas Arianna e de San Marcos. Já em Nápoles, despedimo-nos desta viagem emocionante apreciando a gastronomia local num dos seus famosos restaurantes e saboreando um limoncello típico. Alojamento em Nápoles.

Dia 7: Nápoles - Portugal

Comparência no aeroporto com antecedência suficiente para devolver o carro de aluguer e apanhar o avião que vai levar-nos de regresso à cidade de origem. Chegada. Fim da viagem e dos nossos serviços.

Notas importantes

  • - Os trajetos sugeridos em ferry de ida/volta são opcionais e não estão incluídos no preço final. Se tem intenção de embarcar a bordo de um ferry com o carro, é obrigatório informar a empresa de aluguer na recolha do veículo e que esta dê a respetiva autorização. De acordo com as condições estipuladas no contrato de aluguer e na empresa contratada, poderá ter de pagar uma taxa no destino.
  • - Os quartos triplos em Europa são geralmente quartos com duas camas individuais ou uma de casal, nos quais se instala uma cama extra para a terceira pessoa, com os inconvenientes que isso implica, por essa razão, desaconselhamos o seu uso na medida do possível.
  • - As excursões e visitas sugeridas para cada dia são indicativas, podendo o turista personalizar a viagem de acordo com o seu programa, gostos e necessidades.
  • - O cartão de crédito é considerado uma garantia, pelo que, por vezes, o seu uso é imprescindível para se registar nos hotéis.
  • - Normalmente os hotéis dispõem de berços para bebés. Caso contrário, terão de dividir cama com um adulto.

Nápoles

Nápoles situa-se em frente ao mar Tirreno, é um dos principais centros comerciais do sul de Itália, no entanto Nápoles é também um centro turístico uma vez que arredores desta cidade estão situados o o vulcão do monte Vesúvio, as ruínas de Pompeia e Herculano, as ilhas de Capri e Ischia. O centro histórico de Nápoles está classificado como património mundial pela UNESCO.

Caserta

Pompeia

Pompeia é uma das cidades italianas com mais história, conta com as ruínas mais espectaculares, assim como uma riqueza artística sem igual. Entre os seus lugares de interesse mais destacados, recomendamos a Basílica de Pompeia, as Termas do Fórum ou a Villa dos Misteriores. E apesar de ser famosa principalmente pela sua arte em todas as suas vertentes, Pompeia também conta com uma rica gastronomia.

Ercolano Nápoles

Monte Vesubio

Atrani Salerno

Ravello Salerno

Amalfi

Praiano Salerno

Conca dei Marini Salerno

Positano Salerno

Sorrento Peninsula

Sorrento é a localidade mais luxuosa do sul de Itália, visitada todos os anos por personagens famosos que procuram os seus luxuosos hotéis e a tranquilidade das suas ruas. A melhor forma de conhecer Sorrento consiste em entrar na Chiesa di San Francesco, a romântica Via dell’Accademia ou a caverna de Blue Grotto. O clima, as lojas e o ambiente relaxado, fazem de Sorrento o destino ideal se passa pelo sul de Itália.

Salerno

Em Itália encontramos a região de Salerno que antigamente foi um importante centro de medicina na Europa da Idade Média. O visitante poderá percorrer o passeio marítimo da cidade, visitar o Castelo de Arechi ou o centro histórico de Salerno onde poderá parar na sua catedral ou perder-se pelo jardim botânico de Giardino Della Minerva.

Paestum Salerno

Um dos recintos arqueológicos mais fascinantes da região italiana da Campânia é Paestum, uma importante cidade da Magna Grécia, situada a 92 km de Nápoles e que hoje pertence ao município de Capaccio.

Capri

Castellammare di Stabia Nápoles